Nas suas palavras, canta a essência da alma e da vida Cabo-verdiana.
Newsletter

Introduza o seu endereço de e-mail:

feedback dos fãs
um abraço ao sr Armando depois de longos dias no h...
Ola Celina! Como embaixatriz das novas vozes e rit...
Maravilhoso
Nossaaa..
Olá Celina! falhei à reunião...muito em breve, ire...
Quando a voz é doce, a música curva-se ante a melo...
sou irmà do luis fortes. sou orgulhosa de ser cabo...
Este blog está em destaque na homepage do SAPO Cab...
olá.infelizmente, não sabemos a que música se refe...
pesquisar neste blog
 
arquivos
03
Mar
10
Estando em fase de negociação a abertura de mais cerca de três dezenas de pontos de venda, um pouco por todo o país, eis onde pode, para já, encontrar o "Estória, Estória... do Tambor a Blimundo":
 
Lisboa:
. Associação Caboverdiana - R. Duque de Palmela
. Bulhosa: Amoreiras, Campo de Ourique, Entrecampos, Twin Towers
. Institut Franco-Portugais - R. Luís Bívar
. Europa-América
. Quiosque 147 - Av. 5 de Outubro
. Pó dos Livros - Av. Marquês de Tomar
 
Cascais
. Bulhosa
 
Estoril
. Europa-América
 
Parede
. Europa-América
 
Oeiras
. Bulhosa
 
Odivelas
. Bulhosa
 
Queluz
 . Livraria Lyon
 
Cacém
. Livraria Lyon
 
Mem Martins
. Livraria Lyon
 
Linda-a-Velha
. Bulhosa
 
Mafra
. Livraria Lyon
 
Almada
. Alivraria - R. Luís de Queirós
 
Coimbra
. Coimbra Editora - R. Ferreira Borges (brevemente em todas as 10 lojas)
 
Castelo Branco
. Livraria Lyon
 
Braga
. Livraria Centésima - Av. Central
 
Porto
. Leitura
. Europa-América
 
Faro
. Europa-América
publicado por Celina Pereira às 21:45

Tendo ajudado a fundar a Casa de Cabo Verde, hoje Associação Caboverdiana, Celina Pereira fez questão de apresentar o seu novo audio-livro nesta instituição emblemática. Assim, aproveitou-se um dos sempre animados almoços dançantes para se organizar uma 'Cachupa com Celina' que foi um grande sucesso.
 
À chegada, os convivas assistiram à apresentação efectuada por Sofia Delgado e pelo Engº Carlos Machado, o actual presidente. Celina Pereira também proferiu algumas palavras, deixando para o final do almoço uma breve actuação, acompanhada de Zézé Barbosa, um dos músicos que habitualmente anima estes almoços.
 
Aproveitamos para deixar a sugestão: numa terça ou quinta-feira vá almoçar à Associação Caboverdiana. leve apetite e vontade de dançar. Verá que o resto do dia corre muito melhor.
publicado por Celina Pereira às 21:41

A Casa Pia é uma das instituições com que Celina Pereira costuma colaborar, nomeadamente através das acções "Contos e Cantos" que, regularmente, leva até ao Colégio Pina Manique. E foi esta escola que, em ambiente de festa, recebeu uma apresentação do novo audio-livro "Estória, Estória" no passado dia 11 de Fevereiro.
 
O evento iniciou-se com a actuação de um dueto de jovens violinos da Orquestra Metropolitana de Lisboa, seguindo-se a apresentação. Na mesa, na qualidade de anfitrião, o director do colégio exultou a carreira de Celina pereira, com destaque para a sua vertente de contadora de estórias. A Ana Paula Mota, a conhecida Palhaço Picolé, que estava também presente para fazer cobertura para a Sul TV, coube a apresentação do livro que, como confessou, a apaixonou.
Seguiu-se a habitual actuação de Celina Pereira, com destaque para 'Blimundo', o tema do herói principal do livro. Subiu então ao palco um divertido Blimundo - uma homenagem de um dos alunos, que assim se mascarou para, de seguida, fazer papel de apresentador de um animadíssimo concurso de máscaras em que participaram muitos alunos e professores.
 
A tarde terminou com um lanche preparado e servido pelos alunos de hotelaria desta escola exemplar e onde Celina Pereira é sempre recebida com muito carinho e entusiasmo.
publicado por Celina Pereira às 21:37
21
Jan
10

Com apresentação na lindíssima Sala do Arquivo da CML

 

Num dia que a própria definiu como um dos mais especiais dos seus já mais de 40 anos de trajecto artístico, foi apresentado o novo volume dos audio-livros de Celina Pereira.  

 

A bela Sala do Arquivo dos Paços do Concelho de Lisboa encheu-se de convidados e comunicação social, para uma sessão plena de emoção. A mesa, presidida pela Vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto, em representação do Dr. António Costa, era composta ainda pelo Vereador Manuel Brito, da educação, pelo Embaixador de Cabo Verde em Portugal, pela Alta-Comissária do ACIDI, pelo responsável pela Publicar, a empresa editora, e pela Drª. Lígia Évora Ferreira, que apresentou este novo trabalho de Celina Pereira.
Todos usaram da palavra, exultando esta nova obra da artista cabo-verdiana. A Srª. Alta-Comissária Rosário Farmhouse foi dos mais efusivos, destacando que este audio-livro será entregue ainda esta semana a todos os coordenadores do Programa Escolhas, numa sessão que contará também com a presença de Celina Pereira, que terá oportunidade de falar da sua experiência como contadora de estórias, formadora e embaixatriz da inter-culturalidade, segundo as palavras da própria alta-comissária.
O Dr. Arnaldo Andrade disse também palavras entusiasmadas de elogio e incentivo, destacando o trabalho de Celina Pereira junto da diáspora cabo-verdiana, não apenas em Portugal, mas desde o início deste trabalho nos Estados Unidos, nos anos 90.

Sendo a última a usar da palavra, Celina Pereira não escondeu a emoção que lhe embargou a voz por diversas vezes. Este novo volume dos seus audio-livros era um projecto há muito desejado, além de vir substituir o anterior, esgotado há mais de um ano. Agradeceu a todas as entidades e pessoas que apoiaram e viabilizaram esta nova peça da sua batalha pela trasculturalidade, o resultado de anos de trabalho pedagógico e de divulgação das raízes culturais cabo-verdianas.

De seguida, Celina Pereira juntou-se aos seus músicos e chamou as crianças presentes para junto de si. Marcaram presença algumas crianças das Associações Sol e Girassol Solidário, que rapidamente se juntaram à tia Celina. Acompanhada ao violão, cavaquinho e korá, Celina ajoelhou-se e cantou 'Blimundo', o herói da estória principal do audio-livro. 

Por toda a repleta sala se ouviram também vozes adultas a acompanhar este tema, um autêntico ícone da recolha e pesquisa que Celina Pereira leva a cabo há já longos anos, e canção mais conhecida das suas acções "Contos e Cantos" de contadora de estórias.
Por exigência da plateia, Celina Pereira não se podia ficar apenas por um tema infantil. Assim, presenteou todos com uma bela Morna de Eugénio Tavares, também constante no cd deste audio-livro. Aliás, deste Livro + Audio-Livro, já que, o cd oferecido com as estórias e as canções, vem inserido na edição em papel, de capa rígida, com belas ilustrações de Roberto Chichorro.
Como não podia faltar, a sessão acabou com Celina Pereira a dedicar e autografar todos os livros dos que assim desejaram, para além de conceder ainda mais algumas entrevistas para a muita comunicação social presente.
 
Como a própria disse no final, uma sessão de grande emoção para si, em que tudo esteve perfeito e nem as suas favoritas túlipas amarelas faltaram.
 
Com base neste novo audio-livro, Celina Pereira tem já uma agenda muito preenchida para 2010, com mais de 100 sessões "Contos e Cantos" já encomendadas.
 
O primeiro dos lançamentos para o público acontecerá no próximo Sábado, na livraria Bulhosa do Oeiras Parque, pelas 16 horas. Segue-se, no dia 28, o lançamento no Institut Franco-Portugais, motivado pela inclusão da língua francesa nesta nova edição, juntando-se assim ao português, crioulo e inglês.
 
Fotos:Xan
publicado por Celina Pereira às 23:38
13
Jan
10

- 19 de Janeiro, Paços do Concelho, Lisboa

- 23 de Janeiro, Bulhosa Oeiras Parque

É já na próxima terça-feira, dia 19, pelas 17.30h, que será apresentado o novo audio-livro de Celina Pereira, "Estória, Estória ... Do Tambor a Blimundo".

Tratando-se, na realidade, de um livro + audio-livro, esta nova edição conta com 23 fantásticos quadros do artista plástico moçambicano Roberto Chichorro, criados especificamente para o efeito, e que servem ainda de base a todo o grafismo do livro.

A parte audio mantém-se da edição anterior, com um cd incluindo as estórias e alguns temas musicais relacionados com as mesmas.

Estes audio-livros são o resultado visível de muitos anos de pesquisa, investigação e grande interesse de Celina Pereira pelas raízes culturais cabo-verdianas. Nas suas viagens pelo mundo, Celina procura idosos, sábios, investigadores de origem cabo-verdiana e, de gravador em punho, regista as suas estórias e histórias, os seus cantos, os seus testemunhos.

Depois, tratados, compilados, colocados em papel e cd, fazem as delícias de crianças e professores das escolas de Portugal, Cabo Verde e pelas diásporas de ambos os países.

Com base nestes audio-livros, Celina Pereira leva também a cabo as sessões "Contos e Cantos" para crianças um pouco por todo o mundo, no âmbito da educação intercultural e da sua ligação à Fundação Yehudi Menuhin, de cujo curriculum Portugal é signatário.

Além da apresentação protocolar, que decorrerá na lindíssima Sala do Arquivo da Câmara Municipal de Lisboa, está já agendada também a primeira apresentação para público, que decorrerá da livraria Bulhosa do Oeiras Parque, no sábado 23 de Janeiro, pelas 16 Horas.

Em ambas as ocasiões, para além da presença de Roberto Chichorro e dos convidados de honra, Celina Pereira fará questão de presentear os presentes com um ou dois temas musicais deste audio-livro, como "Blimundo", o herói da estória principal.

publicado por Celina Pereira às 23:50

fotos
Contactos
António Gonçalves Pereira
Tlm: 91 785 7111
E-mail: celina.agp@gmail.com
blogs SAPO